Slider

Postagem em destaque

Idosos do SCFV visitam Retiro São João Batista

A programação de setembro para os idosos, promovida pela Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos de São João da Barra, por meio...

quarta-feira, 1 de julho de 2015

Assistência Social e Direitos Humanos tem capacitação em SJB

Com o tema Acolhimento Institucional - curso que aprimora a prática de receber crianças e adolescentes em abrigos públicos na faixa de zero a 18 anos - gestores, técnicos, educadores e cuidadores vinculados à prefeitura de São João da Barra, por meio da secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos estão recebendo a capacitação desde a última segunda-feira, 29. Ministrado pela empresa Educadores Sociais, no Cine Teatro São João, o objetivo é qualificar a equipe com novos conhecimentos para melhoria dos trabalhos desenvolvidos.

  Ao todo, 60 profissionais que atuam no Abrigo Institucional realizando o acolhimento, entre eles, cozinheira, faxineira, motoristas, orientadores e monitores passam pelo treinamento que aborda o contexto Educação Social. A coordenadora geral e mestre em educação, Joanice Parmigiani, esclarece que na prática o conteúdo se dá a partir da apreciação e do estudo da própria vida, do cotidiano das pessoas e das famílias, dos tipos de regras e de como cada núcleo familiar vivencia o dia a dia.  

- Trabalhamos com o compromisso de compartilhar conhecimentos na área de educação social, uma educação que levamos para além dos conteúdos escolares, que visa a formação contínua dos profissionais, além da qualidade das ações desenvolvidas.

Para que o curso alcance o propósito da capacitação entra em cena a metodologia dos trabalhos seguida de atividades práticas que permitam a troca das experiências; os trabalhos realizados em grupos para a discussão dos textos e cases; os jogos cooperativos e as dinâmicas de grupo; além de exposição em diálogos dos conteúdos com espaço para reflexão e crítica.

Os grupos divididos entre equipe par e ímpar terão 16 horas de treinamento e, ao final, no próximo sábado, dia 4, receberão certificados. Para a psicóloga do Abrigo Institucional, Fernanda Menezes, a oportunidade é válida porque muda a compreensão da responsabilidade do papel de cada um dos profissionais envolvidos no processo de acolhimento.

 A ideia é dar ao trabalho que já é realizado alta qualidade e torná-lo mais voltado para o que solicita as orientações técnicas a serem seguidas, envolvendo não só gestores e coordenação, mas todo o pessoal que lida com esse menor.

“Trabalhamos muito em cima do motivo que gerou o acolhimento, tentamos desfazer a razão pela qual o direito da criança foi violado. Dentro do abrigo temos reforço escolar, diversificadas atividades culturais, acompanhamento psicossocial, pedagógico e cuidados básicos, além de encaminhá-las aos tratamentos da rede” explicou a psicóloga.

A secretária de Assistência Social e Direitos Humanos, Swany Gomes Pessanha agradeceu à atual gestão municipal, por compreender a necessidade de investir em capacitação para o trabalho com a garantia de direitos da criança e do adolescente e também a toda equipe da secretaria pelo comprometimento.

Finte:
Secom - SJB


0 comentários: