Slider

Postagem em destaque

Idosos do SCFV visitam Retiro São João Batista

A programação de setembro para os idosos, promovida pela Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos de São João da Barra, por meio...

quarta-feira, 23 de setembro de 2015

Apreendido adolescente que teria participado de atentados na Rua Fernando Pecly

Um adolescente de 17 anos foi apreendido por volta das 11h30 desta terça-feira (22/09), na Rua 11, no bairro Novo Jockey, em Campos. Ele é suspeito de participação no atentado que deixou sete pessoas feridas — dois adolescentes e cinco adultos — na Rua Fernando Pecly, no São Silvestre, na madrugada do último domingo (20/09).
A apreensão do adolescente M.R.R.S., foi realizada por militares do Setor Eco, que receberam informações de que um dos suspeitos seria morador de uma residência na Rua Um. Ao chegar ao local, a polícia foi atendida pela mãe do suspeito, já que o mesmo não estava em casa, só chegando  minutos depois.
De acordo com a Polícia Militar, o adolescente foi questionado sobre o crime e teria confirmado a participação, dizendo ainda que, após o fato, jogou a arma usada por ele no Rio Paraíba do Sul. O adolescente preferiu não falar sobre os demais participantes.
O adolescente teria relatado ainda que a motivação do crime teria sido uma briga entre o grupo do suspeito e seis dos sete  baleados, em uma boate a margem da BR-101, local onde todos estavam antes do crime. Ele e os comparsas — que ainda não se sabe quantos são — teriam esperado o grupo sair da boate e os seguiram até a Rua Fernando Pecly onde cometeram os atentados.
M.R.R.S. foi conduzido para 146ª Delegacia Legal de Guarus, responsável pela investigação do crime, porém lá se reservou a falar somente em juízo. 

OS ATENTADOS

crime aconteceu por volta das 5h, quando as vítimas transitavam pela via e teriam sido surpreendidas por ocupantes de um Bora preto, que desceram do veículo e efetuaram vários tiros na direção delas. Um deles atingiu um jovem que estava sentado na frente do portão de casa.

Após os disparos, os suspeitos fugiram e não foram localizados. Os feridos, E.S.M., 15 anos; M.P.S., 16; T.G.S., 30; F.S.P.F., 25; P.J.M., 18; R.C.N. e M.S.C., ambos de 24 anos, foram atingidos por disparos em várias partes do corpo como. 
Menos de 12 horas após o ocorrido, policiais militares conseguiram localizar, na Rua Gilberto Freire, no Jockey Club, o carro supostamente envolvido nos atentados.
No Bora, de cor preta e placa de Campos, os policiais encontraram documentos e um par de chinelos, a princípio, de uma mulher. Havia marcas de tiros no retrovisor do lado do motorista, o que segundo os PMs, indicaria que os disparos partiram de dentro do carro. Três cápsulas deflagradas de pistola calibre 380 também foram achadas no banco de trás do veículo.
De acordo com a assessoria do Hospital Ferreira Machado (HFM), os feridos que receberam alta são: E.S.M., 15 anos, atingido nos joelhos; P.V.J.M., 17, com ferimentos no braço e perna direita, joelho e pé esquerdos e R.C.N., de 18, atingido no braço direito, pernas e pé. Já M.P.S., 16 anos, atingido na coxa e joelho esquerdos, saiu do hospital sem autorização médica.
Seguem internados, M.P.S., 16 anos, atingido na coxa e joelho esquerdos; M.S.C., 23, atingido na coxa direita e F.S.P.F., de 26, que levou tiro no tórax, braço direito e pé esquerdo, estão estáveis no repouso masculino e Clínica Cirurgica, respectivamente. A sétima vítima, de iniciais T.C.S., 30 anos, atingido na perna esquerda e braço direito, passou por cirurgia e está internado na Clínica Cirúrgica. Seu estado de saúde é considerado estável.

Fonte Ururau

0 comentários: