Slider

Postagem em destaque

Idosos do SCFV visitam Retiro São João Batista

A programação de setembro para os idosos, promovida pela Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos de São João da Barra, por meio...

terça-feira, 15 de setembro de 2015

Duas mulheres presas com 15 kg de maconha no Jardim Carioca

Vagner Basilio
Detenção se deu após investigação de uma semana pela PM












Duas mulheres foram detidas com aproximadamente 15 kg de maconha na manhã desta terça-feira (15/09), por volta das 08h30 na Rua Santo Antônio no Parque Jardim Carioca, no subdistrito de Guarus, em Campos. O prejuízo para o tráfico de drogas foi estimado de R$ 20 a 25 mil, de acordo com a Polícia Militar.
De acordo com os policiais militares do Grupamento de Ações Táticas (GAT II), após duas semanas de investigação a uma residência que estaria sendo usada para guardar drogas para o tráfico das comunidades Madureira e Pedro Barroso, que nesta manhã uma mulher identificada como T.M., de 20 anos, foi encontrada na casa.
Durante revista, os militares encontraram 13 tabletes de maconha, cada um pesando aproximadamente 1200 kg cada. Toda a droga apreendida totalizou cerca de 15kg.  Além da droga, foi encontrado balança de precisão, material para embalar drogas e etiquetas com a inscrição “Natal Folia M.D.”.
Ainda segundo a polícia, a detida informou que morava com uma amiga na residência e que a mesma teria saído para levar o filho na escola. Diante da informação, os policiais foram à creche no mesmo bairro e não encontrou ninguém. As suspeitas estariam morando no bairro há cerca de dois meses.
Segundo os militares, T.M. informou o endereço de alguns amigos da mulher e durante buscas na Rua Humberto de Campos, também no Jardim Carioca, L.C.C., de 19 anos, foi localizada com o filho de dois anos.
O material apreendido e as duas mulheres foram levadas para 146ª Delegacia Legal de Guarus onde o caso foi registrado para investigação. A criança foi levada para a 146ª DP, junto à mãe, mas depois foi levada para a casa pela avó materna.


 Fonte Ururau

0 comentários: